Mercado de trabalho

Como cobrar por projetos (arquitetônico, elétrico, incêndio, hidrossanitário, estrutural)

E-mail Imprimir PDF


Uma das maiores dúvidas, principalmente para quem está iniciando no mercado de Arquitetura, Engenharia ou como projetista é como e quanto cobrar pelos seus serviços.

Culturalmente ainda há uma grande desvantagem desses profissionais em relação a profissionais de outras áreas como Direito, Medicina e Odontologia. Isso porque para uma breve consulta de meia hora, ninguém costuma questionar o valor cobrado pelo médico, ou se está com dor de dente, não reclama se precisa pagar ao dentista. Da mesma forma o advogado costuma cobrar pela “conversa” com o cliente através da consulta e também cobra seus honorários pelos serviços prestados.

Até aí tudo certo, afinal todos esses profissionais estudaram, se dedicaram e estão cobrando justamente pelos serviços oferecidos e pela competência em resolver os problemas alheios. Então, por que um profissional de Engenharia ou Arquitetura não consegue ter essa mesma postura? Por que muitos profissionais estão praticamente pagando para trabalhar? Primeiro porque é necessária uma mudança de postura: seu trabalho é tão importante quanto o de profissionais de outras áreas. Para justificar isso ao seu cliente basta lembrá-lo dos exemplos acima: “Quando o senhor vai ao médico não paga consulta?”

Segundo, porque os profissionais costumam nivelar seus preços por baixo, principalmente os iniciantes, esquecendo-se de que é preciso fazer um cálculo dos custos fixos de operação, para só então conseguirem ter saúde financeira.
Leia mais...

Ganhe dinheiro trabalhando com o AutoCAD

E-mail Imprimir PDF


Opa, você já pensou em trabalhar profissionalmente com o AutoCAD? Você pode se tornar um profissional de sucesso trabalhando com o AutoCAD, essa profissão muitos chamam de cadistaprojetista, entre outros nomes.

Leia mais...

A importância do projeto elétrico residencial

E-mail Imprimir PDF

Os projetos elétricos residenciais podem aparentar ser somente mais uma parte da planta da construção de uma casa, no entanto, é de extrema importância dar atenção a esse passo através da criação de um projeto elétrico residencial com o auxílio do AutoCAD, programa utilizado por arquitetos e engenheiros para planejar como será, na prática, o funcionamento de toda a fiação elétrica e possíveis instalações, como ar condicionado, sistema de alarme, etc. Isso com certeza evitará que, no futuro, os moradores da casa em questão tenham dificuldades com qualquer tipo de instalação, desde uma luminária até ocasiões de instalação mais complexas.

Leia mais...

Fundap abre inscrições para Programa de Estágio

E-mail Imprimir PDF

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo para Estudantes que estejam matriculados e frequentando cursos de ensino superior, ensino médio e educação profissional de nível médio para realização de estágios remunerados, no Estado de São Paulo.

Leia mais...

Caixa lança concurso público para arquitetos e engenheiros

E-mail Imprimir PDF


A Caixa Econômica Federal (CEF) realizará concurso público para formação de cadastro reserva em todos os Estados do país, com vagas para arquitetos e engenheiros civis. Para as duas áreas, o salário mensal é de R$ 7.734 para 40 horas de trabalho semanais. O banco não informou o número de vagas disponíveis para cada local nem garantiu a contratação dos aprovados.

Leia mais...

Veja os 10 erros mais comuns em seleções de estágio

E-mail Imprimir PDF

Para os especialistas em recursos humanos, o estudante não precisa usar terno completo na entrevista de estágio, já que o cargo é de estagiário e não se exige esse rigor. Mas comparecer de jeans e camiseta é informal demais.

Dúvidas sobre a entrevista são comuns entre os "novos profissionais" e vão de como se vestir à forma de agir. Saber o que fazer (e o que não fazer) nessas horas pode ser o diferencial para a contratação.

Por ainda estarem em fase de formação, os estudantes serão mais avaliados pela atitude do que pelos conhecimentos, sinaliza Viviane Gonzalez, da Business Partners Consulting. Segundo ela, contam pontos características como comunicação, liderança e interesse.

Leia mais...

Vida de Estagiário - Engenharia Civil

E-mail Imprimir PDF

O paulista Luan foi a uma obra sentir na pele a rotina de um engenheiro civil.

Leia mais...

Futuros profissionais de arquitetura e urbanismo, Procurando estágio?

E-mail Imprimir PDF

Sergio Colotto

O futuro arquiteto e pretendente à vaga de estagiá­rio deve saber que está prestes a adentrar em um mundo de trabalho e desenvolvimento de projetos em equipe, com arquitetos de diversos graus e níveis de experiência, o que exigirá capacidade de interlocução e relacionamento, além de criatividade e muita personalidade. Isso sem contar, claro, os ingredientes básicos: cursar graduação em arquitetura e dominar ferramentas como AutoCAD ou, mais recentemente, a plataforma BIM.

Leia mais...

Cadista

E-mail Imprimir PDF

Fruto do advento da tecnologia, o cadista é uma profissão em crescimento e transformação na cadeia da construção civil. Esse profissional surgiu quando os softwares CAD (Computer Aided Design ou, em tradução literal, Desenho Auxiliado por Computador) foram disseminados para as pequenas e médias empresas, bem como para os escritórios de projetos e construtoras brasileiras. No início da implementação dessa tecnologia, arquitetos e engenheiros, em meio a suas funções do cotidiano, resistiram a aprender a desenhar com outros meios, subdelegando a função de passar um projeto do papel para o computador para os cadistas.

Leia mais...

Metrô-SP abre vagas e cadastro reserva para áreas da construção civil

E-mail Imprimir PDF

A Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) lançou o concurso público que vai contratar sete técnicos em edificações, além de formar cadastro reserva nas áreas de arquitetura, engenharia civil, instalações hidráulicas, manutenção elétrica, pintura industrial e serralheria. As inscrições vão até o dia 23 de janeiro.

Para as oportunidades de nível fundamental (instalações hidráulicas, manutenção elétrica, pintura industrial e serralheria), é preciso ter curso de qualificação na área específica e o salário é de R$ 1.304,00. Já as vagas para técnicos em edificações são para o cargo de técnico de sistemas metroviários e exigem diploma no curso, registro profissional no conselho de classe, comprovante de regularidade junto ao conselho e carteira nacional de habilitação, no mínimo, categoria B. Das sete oportunidades oferecidas, uma é para deficientes físicos. A remuneração é de R$ 2.653,61.

Leia mais...

Comentários

@ Copyright 2018, EW7. Todos os direitos reservados.